NOVAS normas da ABNT de julho de 2023

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) atualizou suas normas recentemente. Neste post, falaremos sobre a norma 10520, que trata das citações diretas e indiretas utilizadas em trabalhos acadêmicos (projetos, TCC, artigos científicos, teses, dissertações). Assim, você vai ficar sabendo quais são as NOVAS normas da ABNT de julho de 2023.

Quais foram as principais alterações?

1. A principal alteração dessa norma diz respeito ao uso das letras minúsculas, mesmo quando a referência vem entre parênteses. Porém, isso vale apenas para citações; nas Referências, o nome dos autores permanece em CAIXA ALTA. Por exemplo:

(Massi, 2012, p. 57) – citação direta

(Massi; Silva, 2013) – citação indireta

Isso vale tanto para pessoas físicas quanto para pessoas jurídicas (instituições). No caso das siglas, prevalece a regra gramatical das siglas que já discutimos em outro texto. Por exemplo: (UFPA, 2004) ou (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, 2007).

2. Outra mudança importante é o uso do et al. quando há mais de quatro autores na citação. Embora isso fosse apenas uma recomendação, aqui na Letraria nós já adotávamos esse padrão nas revisões. Agora, mesmo que todos os autores estejam indicados nas referências, na citação apenas o primeiro autor aparece. Por exemplo:

(Massi et al., 2013) ou (Santos et al., 2015, p. 43)

3. Do mesmo modo, já usávamos o padrão de escrever expressões latinas em itálico, que era opcional, mas passou a ser obrigatório. Isso vale para et al., apud, idem, ibidem…

4. Outra mudança diz respeito ao uso do ponto final. Esse tópico sempre causou polêmica, mas agora ficou decidido que o ponto final (somente um) deve fazer parte do período e não da citação. Por exemplo:

“Essas normas têm o objetivo de facilitar a padronização dos textos” (Massi, 2021, p. 31).

5. Por fim, outra mudança bastante significativa é o uso das expressões “grifo próprio” e “tradução própria“. Elas devem ser usadas sempre que você fizer uma intervenção na citação direta. Ou seja, se você grifar ou traduzir o trecho citado, precisa marcar sua ação.

Agora que você já está por dentro das NOVAS normas da ABNT de julho de 2023, basta seguir esse padrão em seus textos. 😉

QUEM ESCREVE?

Fernanda Massi fez Mestrado e Doutorado em Linguística e Língua Portuguesa na UNESP/Araraquara. Assim que terminou o doutorado, foi professora na UNESP e na UFSCar.  Nesse período, deu aulas de Leitura e Produção de Textos e Metodologia do Texto Científico. Também orientou TCC e iniciação científica. Em seguida, fez Pós-doutorado em Linguística Aplicada pela UNICAMP. Atualmente, Fernanda é a responsável pela equipe de revisão da Letraria.

1 Comentário. Deixe novo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Como escrever um livro ilustrado?
10 anos de Letraria