Neste texto, você vai conhecer 5 verdades ACADÊMICAS para você viver melhor! Elas vão te ajudar a levar seu mestrado ou doutorado com mais leveza e tranquilidade. Assim, saiba que você não está sozinho(a) nessa jornada!

Todo mundo já teve um artigo recusado!

Como “todo mundo” estamos considerando desde o aluno de graduação até o orientador de doutorado. Isso porque existem diversos motivos para um artigo ser recusado e você precisa entender o que houve para não errar mais.

Ninguém sai feliz do exame de qualificação!

São comuns histórias de alunos chorando após o exame de qualificação. Há também aqueles que quiseram enforcar o orientador. Porém, esse exame é uma fase intermediária entre o começo e o fim do seu trabalho. Ou seja, ele serve justamente para você receber críticas e aprimorar a pesquisa.

Nem tudo é tão dramático quanto parece…

Aqui estamos pensando tanto de forma positiva quanto negativa. Tudo o que ocorrer com você ao longo da pesquisa faz parte do processo. Não crie expectativas falsas nem desista só porque algo deu errado.

Não fique se metendo em reuniões e eventos… faça sua pesquisa!

Apesar de a rede de contatos ser muito importante na vida acadêmica, nada é mais importante do que fazer a pesquisa. Cuidado com o excesso de encontros, reuniões e eventos se você não conseguir voltar deles com algo a mais para escrever.

Um bom mestrado ou doutorado se faz com a bunda!

Isso significa que você precisa sentar e escrever seu trabalho! Não precisa ser de uma vez só, 50 páginas por dia ou por 8 horas seguidas. É você quem vai avaliar a estratégia que melhor funciona para você!

Assim, esperamos que essas 5 verdades ACADÊMICAS para você viver melhor tenham te ajudado!

QUEM ESCREVE?

Fernanda Massi é Mestra e Doutora em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP/Araraquara. Ela é também Pós-doutora em Linguística Aplicada pela UNICAMP. Foi professora de Leitura e Produção de Textos na UNESP/Araraquara e na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Nesse período, orientou trabalhos de conclusão de curso (TCC) e de iniciação científica. Fernanda trabalha com revisão de texto desde o início da sua graduação em Letras (2004) e é também a responsável pela equipe de revisão da Letraria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Como fazer as REFERÊNCIAS de acordo com a ABNT?
Para que serve um ORIENTADOR?